Globo tem situação inusitada com a FIFA na Copa do Mundo – Lully FM – Entertainment

Globo tem situação inusitada com a FIFA na Copa do Mundo

A partida entre Portugal e Uruguai da Copa do Mundo, nesta segunda-feira (28), teve um momento bem inesperado. O jogo foi interrompido após uma invasão no gramado e a Fifa cortou a transmissão imediatamente. A Globo e o SporTV acabaram revoltando muitos internautas.

Tudo aconteceu quando uma pessoa com uma bandeira com as cores do arco-íris, de tema LGBTQIAP+, entrou no campo. O homem foi derrubado e retirado por dois seguranças do estádio Lusail, momentos depois.

Além da bandeira em apoio à comunidade LGBTQIAP+, o espectador estava vestido com uma camisa pedindo respeito às mulheres iranianas nas costas.

A Fifa logo interrompeu a transmissão. Na Globo, Luis Roberto narrou o que ocorrido e explicou os telespectadores. Ele disse que a organizadora do Mundial evita mostrar quando há invasão de campo e, por isso, a cena não estava sendo transmitida.

“A pessoa que invadiu já foi controlada pelos policiais do Catar. A segurança não é feita como nos estádios do Brasil. Ele entrou com uma bandeira, não chegou a desfraldar, uma bandeira pequena. Eu não consegui decifrar. Se alguém conseguir, por favor”, declarou o narrador.

No Twitter, porém, internautas criticaram a postura do global. “Ele é algum tipo de alienado ou está usando uma venda? Ele não sabe que isso aí é a bandeira do movimento LGBTQIA+? Pelo amor”, disparou uma pessoa.

Além da Globo, SporTV é criticado

Já Luiz Carlos Jr, na transmissão pelo SporTV, citou a bandeira e relembrou o episódio em que sete seleções europeias foram proibidas de protestos na Copa do Mundo. O narrador foi criticado ao falar em “homossexualismo”, termo pejorativo para se referir à comunidade.

Fonte RD1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *