Thai Rodrigues é coroada Rainha do carnaval da Finlândia

Com a arte do samba no pé correndo nas veias, a passista Thai Rodrigues conta com uma trajetória de sucesso no carnaval carioca. Hoje é passista da vice-campeã, Imperatriz Leopoldinense, onde risca o chão da quadra da verde e branco de Ramos em todos os eventos, além de ser musa do tradicional bloco carnavalesco Bola Preta.
Thai Rodrigues

A beldade já foi dona da coroa maior do Rio de janeiro, quando conquistou o título de Rainha do Carnaval Rj, em 2022. Aclamada por todo o público e povo do samba, que vibrou junto a cada etapa conquistada até chegar a faixa de rainha, ela deu o ponta pé a “nova era” do concurso, que hoje dá voz a passistas que vivem e se dedicam ao carnaval o ano todo.

 “Nascida e criada ao lado da Sapucaí sempre que via aquela coroa eu dizia que queria ocupar aquele lugar. Quando decidi entrar em campo, resolvi que iria me preparar e mostrar para as meninas passistas que nós merecemos estar ali por toda dedicação de nossa vida ao carnaval. Uns 5 anos antes de 2022 eu comecei a me preparar psicologicamente e financeiramente porque eu sabia que estaria sozinha e que eu queria levantar uma bandeira e não viver de glamour e roupas caras até porque minha realidade não me permitiria. Chamei algumas passistas para que assim pudéssemos fazer como um “protesto” se inscrevendo no concurso e usando o mesmo discurso “Aqui é o nosso lugar porque merecemos”, e só a Luara Bombom aceito. Eu entendo as meninas, elas diziam:- Thai nós só vamos gastar tempo e dinheiro à toa. E assim fui porque estava decidida a falar pro sistema que este posto pertence as passistas. Luara e eu combinamos tudo e fomos à frente. Quando percebi que o público estava me dando a mão, fiquei mais feliz e forte! Quando veio a coroa foi sensação de dever cumprido. Claro que eu queria viver aquela fama de uma rainha, mas a vontade de gritar era mais forte e mostrar para os gigantes que as passistas precisam acordar e conquistar o que é nosso, de quem gasta tempo, dinheiro, amor ao samba e nem sempre é reconhecido ou valorizado! Nós podemos só precisamos saber disso. “
 Todo esse reconhecimento no carnaval do Rio, onde sempre foi uma passista de destaque, a levou para dar workshops fora do país, levando nossa arte e divulgando a riqueza cultural do nosso samba. E todo esse movimento trouxe mais coroas para sua cabeça. Após dar suas aulas de samba na França, em 2023, Thai foi convidada para dar aulas na Finlândia, no ano passado ainda. Após o sucesso de seu samba em terras Finlandesas, veio o convite para que fosse a Rainha do Carnaval da Finlândia, 2024, carnaval que acontece desde 1991, com desfile de 7 escolas, shows de samba e muito mais.
 “Já fui Rainha do Carnaval de Portugal, República Tcheca, Polônia, e agora, Finlândia. Há 11 anos que levo meu samba para diversos países, pois minha arte abriu muitas portas e pude ir a grandes festivais e congressos internacionais. Sou grata por todas as oportunidades que me foram dadas e continuo levando meu discurso de que as passistas devem e merecem estar no topo!” – Finaliza Thai.
Léo Torres
Assessoria de Imprensa

Deixe um comentário

Close