Flávio Carneiro lança pela Maralto Edições “A mais bela história de todos os tempos”

A Maralto Edições apresenta o livro A mais bela história de todos os tempos, uma obra de ficção destinada ao público infantil, do escritor, crítico literário, roteirista, ensaísta e professor de literaturada UERJ Flávio Carneiro.

A mais bela história de todos os tempos

Com obras publicadas em diferentes regiões da Europa, nos Estados Unidos, na Colômbia e no México, Carneiro proporciona aos jovens leitores uma narrativa visual que mantém um diálogo constante com a trama do livro, e ainda incorpora referências clássicas de aventuras, como Simbad, omarujo, os três príncipes de Serendip e Aladim, que surge na história em seu último dia de vida.

A trama, narrada em primeira pessoa, desenrola-se ao redor de três irmãos, dois meninos e uma menina. Em um dia peculiar, a menina de 17 anos desaparece misteriosamente dentro de um livro na biblioteca da avó. Alarmados e determinados a resgatar a irmã, os dois irmãos decidem embarcar em uma extraordinária viagem dentro de um livro.

A mais bela história de todos os tempos leva os leitores a uma peregrinação por diversas histórias, mantendo-os na expectativa enquanto os dois irmãos buscam incansavelmente pela irmã desaparecida. A obra não é apenas uma aventura emocionante, mas também uma celebração da magia dos livros e de sua capacidade de nos transportar para mundos extraordinários.

“Sempre pensei no livro (de literatura, pelo menos) como uma espécie de brinquedo que o autor cria e oferece aos leitores”, reflete Carneiro. “Um livro de poemas, de contos, um romance, todo livro literário serve para que o leitor possa exercitar sua imaginação. Ele pode até aprender alguma coisa prática com um livro assim, mas acredito que ensinar não seja o principal objetivo de uma história,de uma obra de ficção. O que eu quero com esse livro, o que quero com todos os meus livros, é que o leitor viaje, que brinque de imaginar.”

A obra recebeu um refinamento exuberante pelas mãos da ilustradora Daniela Galanti, que capturou meticulosamente a essência do enredo, a composição dos personagens e a construção dos cenários.Suas ilustrações não apenas complementam a narrativa, mas também proporcionam uma expressão visual singular, estabelecendo um diálogo contínuo com o universo narrativo do livro.

Executadas manualmente com lápis de cor e grafite, as imagens ganharam vida em um papel com cor de fundo e uma leve textura, escolhas cuidadosas que contribuíram para o resultado final. Todo o processo, desde a criação até a digitalização, foi registrado por meio de fotografias para preservar integralmente os elementos da narrativa.

“Espero que o leitor encontre suspense, aventura, poesia e muito amor entre esses irmãos e  entre eles e a avó, que também desempenha papel importante na trama. Espero que ele viaje pelas páginas do livro, como os dois meninos e a menina fazem ao visitar (ou revisitar) as histórias por onde a menina passou. De certa forma, esta é também uma história de detetives, já que os dois irmãos, se quiserem de fato encontrar a irmã, vão precisar interpretar e ligar as pistas que vão sendo deixadas pelo caminho. Pistas que o leitor também poderá ir seguindo, à sua maneira, no seu tempo”, finaliza Flávio Carneiro.

A mais bela história de todos os tempos chega às livrarias e às plataformas digitais de vendas no próximo dia 9 de dezembro e fará parte do Programa de Formação Leitora Maralto, uma iniciativa direcionada para escolas de todo o país.

Sobre o autor

Flávio Carneiro Nasceu em Goiânia e mora em Teresópolis, no estado do Rio de Janeiro. Escritor eprofessor de Literatura Brasileira na UERJ, publicou 19 livros – romances, contos, crônicas,infantojuvenis, ensaios – e escreveu dois roteiros para o cinema. Ganhou alguns prêmios literários,entre eles o 1º lugar no Prêmio Jabuti pelo livro de crônicas Histórias ao redor (2021), e o PrêmioBarco a Vapor e o 3º lugar no Prêmio Jabuti pelo romance infantojuvenil A distância das coisas(2008). Seu romance Lalande (2000) recebeu o Selo Altamente Recomendável para o Jovem, daFundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ), e o livro de contos Paisagem com segredo(2022) recebeu o Selo Seleção da Cátedra Unesco de Leitura PUC-Rio. Parte de sua obra foi publicadatambém em outros países, como Itália, Portugal, Colômbia, México, França, EUA e Alemanha.

Sobre a ilustradora

Daniela Galanti ilustra e escreve com lápis de cor, material que a acompanha desde a infância.Estudou Arquitetura e Urbanismo e trabalhou como paisagista entre os anos de 1992 e 2005. É pós-graduada em Gestos de Escrita como Prática de Risco, pela Casa Tomada, onde deu início ao projetoEscrevo-me, ainda em pesquisa. Em parceria com o poeta João Proteti, publicou dois livrosindependentes: De quando eu morei numa nuvem que passava (2017) e Das árvores que caminhamquando nelas me aninho (2018). Ainda em 2018, publicou Vermelho e, em 2019, Amarelo, dois livrosde imagens sanfonados. Os minilivros A bailarina que só queria desenhar e É tempo de florescertambém nasceram entre 2018 e 2019, seguindo a mesma estrutura. Em 2021, lançou Ninanão pelaMaralto Edições, livro que recebeu o Selo Distinção da Cátedra Unesco de Leitura PUC-Rio e tambémfoi selecionado pela FNLIJ como livro Altamente Recomendável.

A mais bela história de todos os tempos

Autor: Flávio Carneiro
Ilustrações: Daniela Galanti
Editora: Maralto Edições
Páginas: 107
Preço: R$ 61,90
Vendas: Amazon

Lançamento e bate-papo com Flávio Carneiro e Daniela Galanti

Mediação: Cristiane Mateus
Onde: Janela Livraria às 16h
Rua: Maria Angélica, 171, Jardim Botânico, Rio de Janeiro

Imprensa: Iara Filardi 

Deixe um comentário

Close