Primeira lista de melhores discos de 2023 é divulgada

Como já virou tradição, a revista britânica Uncut se antecipou à concorrência e divulgou a primeira lista de melhores discos de 2023 onde destacou os álbuns de Lana Del Rey e The National entre os dez mais.

A publicação, editada desde 1997, é voltada a um público mais adulto, geralmente interessado em artistas com mais tempo de estrada e aqueles que demonstram uma queda para o experimentalismo, e a música tradicional, publicou o seu “top 75”, com uma predileção por artistas veteranos, um termo que fica cada vez mais abrangente, no top 10.

A parte mais nobre do ranking tem, por exemplo, os mais recentes trabalhos de John Cale, e Paul Simon, ambos com mais de seis décadas de carreira, e também do Yo La Tengo, surgidos na década de 80, mais os discos de PJ Harvey e Wilco, uma dupla de sobreviventes dos anos 90.

Isso para não falar de Lonnie Holley, um artista plástico de 73 anos que começou a se aventurar pelo mundo da música em meados do século 21.

A Uncut também aprovou os lançamentos de The National (“First Two Pages of Frankenstein”, o primeiro dos dois discos que eles lançaram nos últimos meses, está no oitavo posto) e Lana Del Rey (“impressionante e audacioso”, diz o texto sobre “Did you know that there’s a tunnel under Ocean Blvd”, na sexta colocação) .

O primeiro lugar foi para um álbum que não foi muito ouvido por aqui, mas que deverá aumentar o seu perfil nas próximas semanas. “False Lankum” é o quarto LP dos irlandeses do Lankum (abaixo), um quarteto que toca basicamente baladas folk ancestrais com muitos drones (ou sons prolongados) e um clima que pode remeter tanto a certos filmes de horror como a variantes mais experimentais do heavy-metal.

Apesar de fazer uma música tida como difícil, o grupo conseguiu penetrar discretamente no mainstream europeu em 2023. “False Lankum” foi indicado ao “Mercury Prize”, e ficou no segundo lugar da parada irlandesa (no Reino Unido ficou entre os 50 mais vendidos). Eles também estão inspirando o surgimento, ou a maior divulgação, de uma série de artistas que também bebem nesta fonte em sua terra natal.

No top 50, a Uncut ainda destacou os álbuns de nomes como Blur, The Rolling Stones, Slowdive, Corinne Bailey Rae, Depeche Mode, boygenius e Everything But The Girl.

Confira o Top 10:

10. John Cale – “Mercy”
9. Julie Byrne – “The Greater Wings”
8. The National – “First Two Pages of Frankenstein”
7. Lonnie Holley – “Oh Me Oh My”
6. Lana Del Rey – “Did you know that there’s a tunnel under Ocean Blvd”
5. Yo La Tengo – “This Stupid World”
4. PJ Harvey – “I Inside the Old Year Dying”
3. Wilco – “Cousin”
2. Paul Simon – “Seven Psalms”
1. Lankum – “False Lankum”

Deixe um comentário

Close