“I Feel Love”, de Donna Summer, é eleita a melhor dance track da história

“I Feel Love”, de Donna Summer, é eleita a melhor dance track da história

26 de julho de 2022 0 Por admin

“É impossível imaginar o som futuro da dance music sem ela”, assim a edição americana da Rolling Stone justificou a escolha de “I Feel Love”, que Donna Summer lançou em julho de 1977, no topo de sua lista com as 200 melhores dance tracks da história. O texto, celebratório, claro, não esquece os outros gênios por trás da faixa: Giorgio Moroder e seu colaborador Pete Bellote, que produziram a faixa e também a escreveram, aqui com a colaboração de Summer.

O texto lembra a clássica história de quando Brian Eno, que estava colaborando com David Bowie em 1977, mostrou o compacto para o astro e profetizou: “É isso! Esse single vai mudar o som da música feita para as pistas pelos próximos 15 anos”. O jornalista Michealangelo complementa, certeiramente. “Mais fácil dizer que vai mudar todo o pop e para sempre”.

o Top 200 é bem amplo e abriga canções das mais variadas épocas, tanto que “One More Time”, do Daft punk (2000) ficou em segundo lugar e o grande clássico da house music, “Your Love” (1986), do DJ Frankie Knuckles apareceu em quarto.

A lista também já tem um “clássico instantâneo”. Trata-se de “BREAK MY SOUL”, o mais revente single de Beyoncé que, mesmo tendo sido lançado há apenas umas poucas semanas, já está em 108° lugar entre as mais clássicas músicas dançantes já feitas.

Para entrar no ranking, a música deveria fazer parte da “cultura da dance music”, ou seja, não bastava que ela fosse simplesmente “dançante”. Por isso, o single mais antigo presente é “Get On The Good Foot”, de James Brown, de 1972, e o foco maior é dado para faixas lançadas a partir da explosão da disco music, anos mais tarde.

Um usuário do Spotify compilou o top 200. Ele acrescentou alguns remixes e por isso a lista ficou ainda maior. As mais dançantes da história estão na programação da Lully FM!

Fonte Vagalume