O poder da mulher no carro de som da Mangueira

O poder da mulher no carro de som da Mangueira

28 de junho de 2022 0 Por admin

As mulheres não tem só o poder, elas tem o voz da agremiação!
A Mangueira terá como cantoras, Nina Rosa e Cacá Nascimento, as intérpretes farão parte do carro de som da verde e rosa para cantar o enredo “As Áfricas que a Bahia Canta”, de autoria dos carnavalescos Guilherme Estevão e Annik Salmon. Com carreira já conhecida nas rodas de samba carioca, Nina conta que a sua paixão pela Estação Primeira vem de família. de som da Mangueira, as cantoras Nina Rosa e Cacá Nascimento farão parte do carro de som da verde e rosa para cantar o enredo “As Áfricas que a Bahia Canta”, de autoria dos carnavalescos Guilherme Estevão e Annik Salmon. Com carreira já conhecida nas rodas de samba carioca, Nina conta que a sua paixão pela Estação Primeira vem de família.

“Minha história com a Mangueira começou com a minha avó, que veio de Angola em 1946 para o Brasil e se encantou com o carnaval e com a escola que hoje é minha paixão. Quando eu resolvi ser cantora, sempre tive esse desejo guardado de cantar na Mangueira, mesmo não tendo essa tradição de mulheres cantoras na avenida. De várias coisas que já fiz na minha carreira, esse é mais um sonho que se realiza. É uma paixão muito grande e uma responsabilidade enorme de fazer o trabalho bem feito com a equipe, em conjunto e deixar exalar essa paixão avassaladora pela Mangueira”, disse.

Já Cacá Nascimento tem uma história que coleciona sucessos em sua jovem carreira e boa parte delas ligada a verde e rosa.

“Sempre cantei desde pequena e um dia meu pai me colocou pra cantar numa roda de samba e não mais parei. Até que 2018 tive a felicidade de gravar o samba campeão da Mangueira de 2019 e desde então minha carreira deu um salto. No mesmo ano fui convidada para participar do The Voice Brasil e de vários shows e rodas de samba.
A Mangueira pra mim é família, união, amor, um lugar para acolher. Fui muito abraçada, e por minha história com o samba de 2019, onde vou sou identificada com a escola. Estar no carro de som é muito prazeroso, um lugar de representatividade gigante. Eu amo cantar e fazer isso pela escola do meu coração é emocionante”, finalizou Cacá Nascimento.